Pesquisar este blog

10.19.2011

Bolo Guiness - Bolo gelado delicioso...

Bolo Guiness



Este bolo é uma excelente alternativa ao tradicional bolo de Natal gelado. Sirva-o simples ou decorado com frutas cristalizadas.

Para 10 pessoas

225 g de manteiga sem sal

225 g de sultanas ( passas brancas )

225 g de passas

100 g de corintos

50 g de casca de citrinos, picada

50 g de cerejas cristalizadas, cortadas ao meio

170 g de alperces secos, cortados em pedaços

50 g de maçãs secas, cortadas em pedaços

100 g de tâmaras, cortadas em pedaços

100 g de pêssegos secos, cortados em pedaços

100 g de peras secas, cortadas em pedaços

225 g de açúcar mascavado

Sumo e raspa de 1 limão e de 1 laranja

220 ml de cerveja Guiness

110 ml de brandy




1/2 colher de chá de noz-moscada

1 colher de chá de canela

1 colher de chá de pimenta-da Jamaica

1/2 colher de chá de gengibre

1 pitada de cardamomo

5 ovos

310 g de farinha sem fermento

1 colher de chá de fermento

150 g de compota de alperce (facultativo)

250 g de frutas cristalizadas, para decorar

75 g de metades de noz ou de noz-pecan, para decorar



1 Junte, num tacho, a manteiga, a fruta, o açúcar, o sumo e a raspa de limão e laranja, a cerveja Guiness e o brandy. Leve a lume médio até levantar fervura, tape e deixe fervilhar, cerca de 10 minutos. Deixe esfriar um pouco. Adicione a noz-moscada, a canela, a pimenta-da-Jamaica, o gengibre e o cardamomo e transfira para uma tigela grande. Cubra com película aderente e deixe macerar, durante 3 dias; em local fresco, mexendo diariamente.




2 Aqueça o forno a 160° C (posições 2-3 do forno a gás). Forre duplamente o interior de uma forma redonda com 25 x 8 cm. Unte o papel com manteiga e polvilhe com farinha. Envolva a forma em três camadas de papel de jornal ou papel pardo.




3 Bata os ovos ligeiramente e incorpore-os no preparado de frutos macerados. Adicione a farinha e o fermento previamente peneirados e misture até obter uma massa homogénea. Transfira a massa para a forma e alise-a com uma colher molhada. Leve ao forno, durante 2 a 2 horas e 30 minutos (verifique a cozedura, usando a técnica do palito). Após a primeira hora de cozedura, cubra a massa com papel vegetal, para evitar que se queime. Deixe arrefecer dentro da forma e retire então o papel.




4 Para decorar, junte a compota e 30 ml de água num tacho, leve ao lume até ferver, coe e volte a colocar no tacho. Pincele o cimo do bolo. Decore com as nozes e frutas cristalizadas. Volte a aquecer a compota e, com a ajuda do pincel, distribua-a rapidamente pelo cimo do bolo, preenchendo os espaços entre as nozes e as frutas. Obterá uma cobertura brilhante e uniforme.




Dica do Chef




Sem retirar o papel usado na cozedura, embrulhe o bolo em folha de alumínio e conserve-o num recipiente hermético, em local fresco e seco, durante 1 a 4 meses, para maturar.


Obs.: Os corintos são passas de uva (Vitis vinifera) da variedade apyrena que, como seu nome indica, é originária de Corinto (cidade da Grécia), sendo características pelo seu tamanho pequeno, sabor doce intenso e quase total ausência de sementes. Para além se servirem para confeccionar vinho, servem principalmente para serem transformadas em passas, sendo um ingrediente muito comum na pastelaria e pães doces.Aqui estão os corintos (do lado direito) ao lado de passas de uva normais, por ex. moscatel (do lado esquerdo):





As sultanas são passas de uvas brancas, sem sementes, com características de sabor doce, pequenez e cor dourada. Presume-se que sejam originárias da Turquia, Grécia, Irão ou África do Sul.


Nenhum comentário: